quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Minha filha, eu não tô acreditando!!!!


 De novo não,vamos lá levanta essa bunda da cadeira e vamos agilizar, movimentar esse corpo.Foi isso mesmo que eu ouvi há aproximadamente 3 anos atrás da  minha mãe com 70 aninhos, pode,?
Não pode, pode sim!!!!!!!!!!!!!
Levei maior esculacho,minha filha eu não tô acreditando, é sempre assim quando chego aqui,quer saber agora você vai me ouvir como pode você com APENAS 50 anos, sentada feito uma estátua ( e nos meus  com 50 tive que ouvir e me calar) de novo vendo esses filmes menina  e sem fazer mais nada ( vamos combinar sem fazer mais nada, não! Cuido da casa, filhos, estudo e ainda dou as minhas aulas, mas....), Vamos lá minha filha reage, como pode ma mulher linda como você fica perdendo seu tempo nas horas em que pode ficar se cuidando, eu na sua idade estava pegando fogo! (pegando fogo, rsrsrsr essa minha mãe...), não que eu não esteja, mas acho que ela pegava muito mais, rsrsrsrs   e ainda continuou....imagina nem eu que tenho 70 anos fico assim parada como você, saio com seu pai, vou a bailes, ai me da uma gastura de te ver assim minha filha, levanta já daí vamos curtir a vida, aproveitar as pessoas que amamos.
E outra coisa menina fica esperta, abra bem seus olhos, que se você continuar assim, seu marido logo, logo vai arrumar outra. Quando ouvi isso dei um salto e pensei, será!Não ...não...não ... ele não teria coragem pensei, ou teria????
Bom, na dúvida resolvi me movimentar e desde então não parei, caminho todos os dias na praia,  procuro ter dentro do possível uma alimentação balanceada(as vezes dou minhas falhadas, pois ninguém é de ferro, rsrsr), comecei a realmente me cuidar um pouco mais, vai que o que minha mãe disse acontecesse, na dúvida, não arrisquei, mesmo por que boca de mãe não é santa, é praga!
Mas, enfim... hoje tenho mais tempo para mim, o meu momento, o meu espaço, me curto de monte.Quanto aos afazeres domésticos. Ah!esses deixei rolar mais light, agora os afazeres de mãe e esposa esses sim, estão como diz minha mãe, tinindo!
Precisou a água bater na bunda para eu poder acordar e perceber algumas coisinhas, ou melhor levar um tapão na bunda da mama, e ela nos seus 70 anos, pode como sempre me mostrar que o momento é de reparar em quem está a nossa volta, a começar por nós mesmo.
Essa minha mãe,viu!!!!


Até breve meninas

Bjs

Nenhum comentário:

Postar um comentário